Logo da SCCJ

HISTÓRIA DA SUPREMA CAPELA DOS CAVALEIROS DE JERUSALÉM

Em 19 de março de 2014 se se reuniram irmãos do GOMB – Grande Oriente Maçônico do Brasil, para discutir sobre a criação de uma organização que pudesse dar o apoio tanto administrativo como ritualístico para as oficinas dos Graus simbólicos para conseguir atingir os graus Superiores, sabemos que cada Rito possui suas organizações filosóficas, mas ideia principal não era alterar a filosofia ritualística e sim modificar a forma administrativa e dessa forma conseguir dar um suporte para que cada rito ou ordem pudessem se desenvolver dentro de uma mesma estrutura, nasce então a Suprema Grande Capela dos Cavaleiros de Jerusalém para ser órgão administrativo para todos os ritos e ordens superiores e dar suporte ritualístico e litúrgico às oficinas simbólicas, e por que esse nome?

SUPREMA, por que estará acima de toda a estrutura; GRANDE, poderá ser suporte para outras famílias maçônicas a qual temos tratados de amizade; CAPELA, ela possui apenas um altar onde todos serão atendidos; CAVALEIRO, por ser nobre tratara todos os ritos e ordens com os devidos respeitos, conforme suas historias e linhagens; JERUSALEM em hebraico Yerushalayim é derivado da palavra Yir`a que significa temor a Deus, mas a palavra Shalem que significa perfeição, então com temor a Deus vamos trabalhar com a máxima perfeição.

A Suprema Grande Capela dos Cavaleiros de Jerusalém – SGCCJ é o mais alto corpo maçônico, detém o poder de administrar todos os Graus filosóficos, Ritos, Rituais, Graus Paralelos, Altos Graus, Ordem de aperfeiçoamento, Ordem de sabedoria, Graus aliados, Ordens da cavalaria e demais ordens e Graus Maçônicos reconhecidos e regulares.

A Estrutura da Suprema Capela conta com as seguintes ocupações:

  • Eminente Grão Prior Cavaleiro de Jerusalém
  • Grão Regente cavaleiro de Jerusalém
  • Grão Cavaleiro Secretario de estado
  • Grão cavaleiro Tesoureiro
  • Grão Cavaleiro Chanceler da guarda do selo
  • Grão Cavaleiro Ministro de Estado
  • Grão Cavaleiro de relações externa
  • Grão cavaleiro de relações internas
  • Grão Cavaleiro Procurador de Justiça

Há também o Grande Conselho Litúrgico, com um chefe litúrgico (guardião) para cada um dos ritos ou ordens:

  • CAVALEIRO DE JERUSALÉM GUARDIÃO DO REAL ARCO
  • CAVALEIRO DE JERUSALÉM GUARDIÃO DA AGUIA BICEFELA
  • CAVALEIRO DE JERUSALÉM GUARDIÃO DA PEDRA ANGULAR
  • CAVALEIRO DE JERUSALÉM GUARDIÃO DA SABEDORIA
  • CAVALEIRO DE JERUSALEM GUARDIÃO DO REAL SEGREDO
  • CAVALEIRO DE JERUSALEM GUARDIÃO DA CIDADE SANTA
  • CAVALEIRO DE JERUSALEM GUARDIÃO NOAQUITA

 

Grande Loja / Ordem Capítulo / Loja